..

BLOGS PARCEIROS: PORTAL DO CAMALEAO JS GRAVAÇÕES E O BLOG CALDEIRÃO DO CRIME,PORTAL FOLHA DE PARNAIBA PARNAÍBA E LITORAL, REAVENDONOTÍCIASESPORT, PARNAÍBA NO MUNDO,

quinta-feira, 26 de março de 2015

POLÍCIA prende dupla e apreende 12kg de crack e cocaína PRISÃO EFETUADA PRÓXIMO AO DETRAN: Droga estava escondida dentro de um Logan

A polícia civil, através da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE) prendeu nesta tarde de quinta-feira (26/03) dois acusados de envolvimento com o tráfico de drogas na capital.
Com eles foram apreendidos 12 quilos de crack e cocaína, escondido em um carro.
A prisão de F.G. das S. e R.N.A.B.F., assim identificados pela polícia, ocorreu próximo ao prédio do Detran, na zona Sul de Teresina. Eles estavam em um Logan de placa NIG-6640.
Em nota, a secretaria de Segurança informou que a prisão só foi possível graças a uma ligação anônima feita ao número (86) 3216-5281.
De acordo com os dados repassados a delegacia iniciou uma investigação com apoio do núcleo de inteligência da secretaria. Até que em diligência realizada nesta tarde foi possível apreender a droga.
Os presos foram encaminhados para a Central de Flagrantes. Eles também deverão ser interrogados pela DEPRE, pois a polícia precisará identificar de onde veio a droga.
A droga apreendida foi levada para a sede da delegacia de Entorpecentes, na zona Sul de Teresina.
IMG-20150326-WA0113.jpg
carroapreendido.png
fonte 180 graus

PI:Homem perde o braço em colisão entre carreta, moto e caminhão baú Acidente envolveu mais dois veículos, um caminhão e uma motocicleta


Na madrugada desta quinta-feira (26/03), por volta das 4h, uma colisão frontal entre uma carreta bitren de placa AUX-0644, de Paranavaí-PR; um caminhão caçamba de placa LVR-1387, de Teresina e uma motocicleta Pop 100, de cor preta, placa NIJ-9890, de Floriano, culminou em um grave acidente, próximo a penitenciária José de Deus Barros, na BR 316, no município de Picos. Apesar da gravidade do acidente não houve registros de vítimas fatais.
Informações da Polícia Rodoviária Federal dão conta que a Bitren que seguia sentindo Picos/Teresina invadiu a pista contrária e acabou colidindo frontalmente com o caminhão caçamba. Devido o impacto, o caminhão acabou tombando na pista e provocando três quilômetros de lentidão no trânsito.
O inspetor Gunnar da Polícia Rodoviária Federal de Picos informou que o condutor da Bitren, Daniel Jordão da Silva, sofreu ferimentos graves em um dos braços, tendo este de ser amputado. O motorista foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), e encaminhado para o Hospital Regional Justino Luz. O condutor da Pop 100 fazia uso do capacete, mas teve ferimentos graves, enquanto que o motorista do caminhão caçamba, identificado como Marciano Manoel dos Santos, 25 anos, sofreu ferimentos leves.
tom8.jpg
Devido o acidente, a cabine da Bitren ficou totalmente destruída. No local, ficaram espalhadas partes dos veículos, assim como marcas de sangue no asfalto e pedaços de roupas utilizadas pelos motoristas.
tom1.jpg
tom2.jpg
tom3.jpg
tom4.jpg
tom5.jpg
tom6.jpg
Fonte: Com informações do Riachão Net e Dia a Dia Picos

Preso acusdo de decepar a mão do cunhado em Altos


A Polícia Militar de Altos prendeu Marcos André Costa de Sousa, vulgo “Maquito” acusado de ter decepado a mão do cunhado nesta quarta-feira (25/03), em Altos. A prisão ocorreu no bairro São Sebastião, minutos depois do crime.
De acordo com o Sargento Paulo César, Maquito teria invadido a residência da vítima e, por motivos ainda desconhecidos, iniciado uma discussão. “Com um facão do tipo ‘rabo de galo’ ele feriu o cunhado e uma mulher que também estava na casa”, detalhou o Sargento Paulo César.
As vítimas foram identificadas por Antonio Ferreira Santiago e Maria das Graças Pilar Castro.
Clique aqui e reveja a matériaHomem se envolve em briga e tem mão decepada
Segundo a polícia, o acusado, quando menor, havia cometido um homicídio em Campo Maior, fato que resultou em sua internação no Centro Educacional Masculino (CEM) durante 1 ano e 9 meses.
altos.jpg

Colisão entre dois veículos deixa uma pessoa ferida em Cocal


Uma colisão traseira envolvendo dois veículos de passeio foi registrada por volta das 12h30min desta quarta-feira (25/03), em Cocal. O acidente deixou uma pessoa ferida e ocorreu na PI-213, na altura da placa de boas vindas da cidade, situada na saída de Cocal à Parnaíba, próximo ao monumento da santa.

O motorista de um automóvel VW Gol, de cor preta, com placas de Fortaleza-Ceará, não conseguiu frear a tempo e bateu na traseira de um veiculo modelo Fiat Siena EL Flex, de cor vermelha, com placas de Teresina Piaui, que seguia a sua frente e havia reduzido a velocidade para passar em um redutor de velocidade. Com o impacto, além dos danos materiais, uma mulher que ocupava o banco de trás do Gol, identificada como Andreia de Araujo, de 32 anos, sofreu um corte na região da face.

A vitima recebeu os primeiros socorros ainda no local do acidente por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Em seguida, ela foi removida ao Hospital Joaquim Vieira de Brito, onde foi atendida pelo médico de plantão e ficou internada em observação.

Um dos passageiros informou que os ocupantes de ambos os veículos são da mesma família e residentes em Parnaíba. Eles voltavam de uma viagem de Fortaleza-Ceará com destino à Parnaíba quando tiveram o trajeto interrompido pela colisão.

PIAUÍ terá que pagar mais de R$ 1,4 bilhão em precatórios DECISÃO É DO STF E PRAZO VAI ATÉ 2020: Abalo sísmico nas contas públicas do Estado



Decisão que foi tomada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) coloca em maus lençóis, ou pelo menos em lençóis mais curtos, financeiramente falando, todos os estados brasileiros, à exceção do Espírito Santo, que tem sua dívida no tocante a este assunto liquidada.
A mais alta Corte do Judiciário do País decidiu em sessão desta quarta-feira (25), que todas as unidades federativas paguem suas dívidas em precatórios – que são aquelas já reconhecidas pela Justiça, até o ano de 2020.
A decisão também atinge todos os municípios e foi uma luta encampada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Até porque causas judiciais só são ganhas porque existem advogados.
PIAUÍ DEVE ALGO EM TORNO DE R$ 1,4 BILHÃO EM PRECATÓRIOS
O Piauí, por exemplo, deve algo em torno de R$ 1,4 bilhão, mas atualizada a cifra pode superar a casa dos R$ 2 bilhões. Sendo assim, o estado teria que retirar por ano dos cofres públicos algo em torno de R$ 300 milhões para cumprir a decisão do Supremo, isso sem se calcular os juros. Dá para fazer? Sim, porém, as consequências serão devastadoras, enquanto não se fizer um rigoroso ajuste nas contas.
A decisão imporá um corte brutal em gastos públicos, nas áreas como Saúde, Educação, Segurança, Assistência Social, e gastos supérfluos como aquinhoar apaniguados políticos na folha de pagamento. É severa a decisão, e fará com que o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, tenha que apertar os cintos e fazer duros ajustes fiscais. É um desafio sem precedentes.
Decisão tomada pelo Supremo fará com que estado tenha que fazer uma ampla reforma administrativa, no modo de administrar e em suas contas. (Foto: Rômulo Rocha)Decisão tomada pelo Supremo fará com que estado tenha que fazer uma ampla reforma administrativa, no modo de administrar e em suas contas. (Foto: Rômulo Rocha)
A decisão porá todo o governo do PT nas cordas. E se a culpa dos frangalhos das contas públicas antes estava sendo jogada nos governos anteriores, embora só tenha existido oito meses de governo Zé Filho, já que no de Wilson Martins, os petistas só saíram no apagar das luzes, a justificativa para os problemas financeiros deve girar agora em torno dessa emblemática decisão judicial.
A dívida contraída pelo estado nas últimas décadas alcança os mais diversos seguimentos, entre servidores públicos, fornecedores que entraram em conflito judicial com o estado e ganharam, inúmeras pessoas jurídicas, sindicatos e demais classes da sociedade civil. No Piauí, os maiores credores são os fazendários, algo superior a R$ 500 milhões, e os professores, algo superior a R$ 400 milhões.
tabela.png
ORÇAMENTO DO PIAUÍ PARA ESTE ANO É DE R$ 10 BILHÕES
A questão não é nada simples. Mas o Estado não cobra impostos à risca? Então tem que pagar seus compromissos com o contribuinte. Uma outra solução, além dos cortes, é diminuir as perdas com sonegação fiscal, assim como os desvios por corrupção, que leva para o ralo milhões em dinheiro do contribuinte. É uma questão de bem administrar e de zelo para com o dinheiro público. Algo que o Piauí não faz há tempos, se é que fez algum dia.
O orçamento do Piauí este ano é de R$ 10.630.184.585,00. Descontadas as deduções fiscais ao Fundeb e as transferências constitucionais aos municípios restam R$ 8.606.731.787,00. Daí então se tira os repasses para a Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça, Ministério Público, Tribunal de Contas e sobram R$ 7.546.505.205,00 para o Poder Executivo, que divide entre seus muitos órgãos. Alguns ineficazes.
DECISÃO PODE TER IMPACTO NA REFORMA ADMINISTRATIVA
Ao atingir o governo do estado ainda no ensaio do seu voo, o Palácio de Karnak vai ter que estar atento às inúmeras variáveis e imprevistas consequências que essa decisão do Supremo irá trazer.
Uma delas respinga na reforma administrativa. Vão manter como ela está sendo desenhada? Estado com inúmeras pastas, e a maioria extremamente ineficientes, uma outra solução seria por fim a órgãos que não funcionam, ou funcionam nos mesmos moldes que similares, e existem só para angariar apoio político. Nada mais.
A FUNDAC, por exemplo, terá seu status modificado de Fundação para Secretaria, e finalmente passará a ter dinheiro. Porém, já existe a secretaria cuja nomenclatura é Secretaria de Educação e Cultura. Serão esses pontos que precisam ser revistos e de forma urgente.
Uma coisa é certa, ou o atual governo senta com sua equipe econômica e fazem severas mudanças na sua forma de administrar, ou passarão quatro anos se lastimando. Neste exato momento seria a ora de prezar pela eficiência.
O QUE O PIAUÍ PAGA EM PRECATÓRIOS
Hoje em dia o estado desembolsa mensalmente, a quantia ínfima de R$ 7 milhões mês, o que ao ano dá exatos R$ 84 milhões. Com a decisão do STF, essa cifra vai saltar a olhos vistos, chegando a um patamar de, no mínimo, R$ 29,1 milhões ao mês. E isso sem computar os juros.
MODIFICAÇÕES COM A DECISÃO DO STF
Alguns governadores vão dizer que foram pegos de surpresa, mas o tema no STF era discutido e estava sob a iminência de acontecer desde 2013, quando a Corte derrubou uma emenda constitucional de 2009 que estipulava um prazo de 15 anos para pagamento de precatórios. Prazo para o qual o Piauí estava planejado.
Essa mesma legislação que agora caiu de forma definitiva, fixava a TR - Taxa Referencial (criada no Plano Collor II para ser o principal índice brasileiro – uma taxa básica referencial dos juros a serem praticados no mês vigente e que não refletissem a inflação do mês anterior) para atualização dos títulos e abria possibilidades para os chamados “leilões inversos”. Aqueles que aceitassem receber menos, dando maiores descontos, poderiam vir para o começo da fila, uma vez que teriam preferência.
Porém, os ministros do STF decidiram que a partir desta quinta-feira (26), os títulos serão corrigidos pelo IPCA-E (que utiliza, para sua composição de cálculo, os seguintes setores: alimentação e bebidas, habitação, artigos de residência, vestuário, transportes, saúde e cuidados pessoais, despesas pessoais, educação e comunicação) e, até o apagar das luzes do prazo final, os credores poderão negociar com o estado.
Os descontos podem chegar até R$ 40% e também será permitido furar a fila. Quem não puder esperar, aguarda receber o montante atualizado, em no máximo cinco anos. Os estados que descumprirem a regra ficam sujeitos a sanções.
A partir de 2020, os precatórios gerados até julho, terão que ser inclusos no orçamento seguinte, evitando novo acúmulo. É uma modificação imensa.
MAIOR DEPENDÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL
Vai ser nesse momento que o governador Wellington Dias vai ter que demonstrar como nunca seu poderio de fogo junto ao Palácio do Planalto, assim como a bancada federal do Piauí na canalização de recursos através de emendas de bancada e orçamentária – quês historicamente sofríveis.
Isso porque, se o Piauí já era dependente de Brasília, agora ficará mais ainda. O que torna delicada a situação é que é justamente num período de arroxo fiscal, onde há um ministro da Fazenda, Joaquim Levi, conhecido pelo apelido de ‘mãos de tesoura’, posto no cargo para por o País no prumo - perdido nos últimos anos de governo conduzido pela presidente da República Dilma Rousseff.
Agora sim. É algo imperativo. Ou o governo corta na própria carne, diminuindo logicamente sua base política de apoio, já que muito aboletados teriam que perder suas patentes com uma reforma administrativa de vergonha, ou a insatisfação será sentida na ponta, junto aos eleitores.
Como se disse, o lençol ficou curto. E agora de uma forma nunca antes vista neste Estado.               fonte:180 graus

Quatro advogados são presos por fraudes contra idosos em Corrente ESQUEMA DA QUADRILHA envolvia também golpe contra instituições financeiras no Piauí


Promotor Rômulo Cordão
Promotor Rômulo Cordão
Matéria ampliada às 10h52Nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (26/03), o Promotor de Justiça Rômulo Paulo Cordão, atuante em Corrente, distante 843 km da capital Teresina, no Sul do Piauí, deflagrou a operação "Serendipta" sob a coordenação do Ministério Público do Estado do Piauí, decorrente de investigações iniciadas há um ano e três meses, pela 1ª Promotoria de Justiça de Corrente-PI, em parceria com o Núcleo de Inteligência da Polícia Civil do Estado do Piauí.
A operação visa o cumprimento de ordens de prisão preventiva, temporária, conduções coercitivas e buscas e apreensões contra mentores, operadores e colaboradores de esquema criminoso, que se organizou com o fim de cometer crimes, tais como Associação Criminosa, Crimes contra a Administração Pública, Estelionato, Fraude Processual e Tergiversação.
Ao todo, estão sendo cumpridos sete mandados de prisão, quatro conduções coercitivas e dez buscas e apreensão. Entre os presos, há quatro advogados. O Poder Judiciário determinou o bloqueio de bens e contas e quebra de sigilo bancário e fiscal de todos os envolvidos.
A organização criminosa atuava prometendo cancelar empréstimos de aposentados, ingressando com ações no Juizado Especial Cível da Comarca de Corrente, utilizando-se de meios ilegais para lesar as vítimas, bem como instituições financeiras. As investigações também apontaram que o grupo criminoso atuava há mais de cinco anos em todo o extremo sul piauiense, contando, inclusive, com a participação de funcionário público do Poder Judiciário.
O nome da operação "SERENDIPTA" é por conta do fato de na mesma terem surgido fatos novos que, inicialmente, não eram objeto de investigação, os quais culminaram na operação CAPTAÇÃO, ocorrida em 05 de outubro de 2014, que resultou na apreensão de mais de R$ 200 mil, destinados à compra de votos.
Estima-se que, juntos, os criminosos tenham conseguido, ilicitamente, mais de R$ 1 milhão de reais, somente no ano de 2014. A OAB, inclusive, já investiga, administrativamente, alguns dos advogados envolvidos.
A operação contou com o apoio da Delegacia Regional de Polícia de Corrente e do 10º Batalhão de Polícia Militar.
OAB EMITE NOTA SOBRE OPERAÇÃOA respeito da prisão de quatro advogados durante a operação Serendipta, deflagrada no Município de Corrente, Sul do Estado, na manhã desta quinta-feira (26), a Ordem dos Advogados do Brasil, Secção Piauí, informa que os representantes da Subseção e a Comissão de Defesa das Prerrogativas do Advogado estão acompanhando a operação, garantindo que as prerrogativas profissionais sejam resguardadas. Comunica, ainda, que o Tribunal de Ética e Disciplina da OAB-PI irá apurar todas as informações referentes ao caso, garantindo aos envolvidos o direito à ampla defesa e contraditório.     fonte 180 graus

quarta-feira, 25 de março de 2015

Delator entrega à Justiça recibo das propinas pagas ao PT

Delator entrega à Justiça recibo de supostas propinas pagas ao PT

Segundo o empresário Augusto Mendonça Neto, sócio do grupo Toyo Setal que fez acordo de delação premiada, o suborno era liberado ao PT sob forma de contribuições partidárias. O Ministério Publico está de posse de comprovantes de transferências bancárias e recibos de doações eleitorais entregues pelo delator que comprovam como o tesoureiro nacional do PT João Vaccari Neto cobrou propina de fornecedores da Petrobras. Conforme noticiou Veja nesta quarta-feira (25), baseado no depoimento do empresário, o Ministério Público sustenta que o empresário e comparsas desviavam dinheiro da Petrobras para contas bancárias do PT, sob conhecimento e cobrança do tesoureiro do partido.
O empresário afirma que apenas ele fez 4,2 milhões de reais em doações, que na verdade, eram oriundos do esquema de propinas da Petrobras, e para tanto apresentou à justiça recibos e comprovantes de pagamento como prova. Segundo o delator foram 24 repasses por empresas controladas por ele em dezoito meses, no período de 2008 à 2012. 



Devido ao acordo de delação premiada com o Ministério Público, o empresário fez a entrega dos recibos de pagamentos aos investigadores. A investigação do MPF constatou que Vaccari se encontrava com Renato Duque regularmente para "acertar valores devidos".
" O próprio Augusto Mendonça, em colaboração premiada, declarou que teria feito as doações em questão por solicitação de Renato Duque e que elas comporiam o acerto de propina com a Diretoria de Serviços", afirmou o juiz Sérgio Moro na decisão que tornou Vaccari e outras 26 pessoas réus em ação penal por desvios de recursos da Diretoria de Serviços da Petrobras. "Portanto, a realização de doações eleitorais, ainda que registradas, com recursos provenientes de crime, configura, em tese, crime de lavagem de dinheiro", acrescentou Moro. Na segunda-feira passada estes documentos foram anexados à denúncia apresentada à 13ª Vara Federal do Paraná, contra Vaccari e outras 26 pessoas envolvidas no esquema de corrupção em contratos da Diretoria de Serviços da Petrobras. Nos recibos, é possível ver a assinatura de Ângela Silva, da Secretaria Nacional de Finanças do PT.
Além da Toyo Setal, outras empresas pagaram propina na forma de doações ao PT. Segundo o vice-presidente da construtora Camargo Corrêa, Eduardo Leite, a empresa também foi cobrada à pagar mais de 10 milhões de reais ao PT. Outro partido que recebia parte das propinas em forma de doações oficiais era o PP, isso segundo o doleiro Alberto Yousseff que chegava a cobrar executivos da Queiroz Galvão, por exemplo, para realizar doações para o partido.
Sérgio Moro cobrou do Tribunal Superios Eleitoral (TSE) para que apresente, se possível em 15 dias, informações sobre doações feitas pelas empresas de Augusto Mendonça Neto (Setal Óleo e Gás, Setec, Projetec, Tipuana, PEM Engenharia e Energex).

PT quer a CPMF de volta

O Partido do Trabalhadores vai defender a volta da CPMF
No que depender do PT, a CPMF, o imposto do cheque, deve estar de volta em breve!!!! O partido defende a volta da CPMF para bancar ajuste fiscal. 
O imposto foi criado em 1997 com a justificativa de estabelecer uma fonte de renda para financiar a saúde pública. Mas em 2007, quando foi extinto, a verba era aplicada também na previdência social e no Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza.
Segundo o presidente do partido Rui Falcão a sigla vai propor ao governo "fontes alternativas" para gerar aumento na arrecadação e assim contribuir com o ajuste fiscal. O partido alega que a entrada de recursos poderia ser usada na manutenção dos programas sociais já que o governo Dilma Rousseff deve impor forte ajuste fiscal.
Não é a primeira vez que o partido tenta a volta da CPMF, em 2011, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva incentivou a volta do tributo. Quando foi eleita no primeiro mandato Dilma sinalizou que traria o imposto de volta, porém críticas de representantes públicos e a rejeição da sociedade fizeram com que a proposta não fosse levada à diante. 
O PT também vai insistir na proposta de criação de taxação sobre grandes fortunas, embora o governo pretenda encaminhar ao Congresso projeto de criação de imposto federal sobre heranças. " Nós queremos taxar as grandes fortunas, porque é isso que perpetua a desigualdade no mundo todo" disse Rui Falcão. Para o PT a CPMF não é chamada de imposto "Não estamos falando de novo imposto. É uma contribuição social para a Saúde" completou.



Com relação à proposta de imposto de grandes fortunas, a alternativa do PT vai contra o pensamento do atual ministro da Fazenda Joaquim Levi, que diz que a taxação de grandes fortunas não tem tanto impacto na receita do governo.
Rui Falcão disse que "Grandes fortunas, imposto sobre herança, financiamento da Saúde são bandeiras aprovadas em reunião do Diretório do PT. Eu não estou inventando a roda".
O partido vai enfrentar oposições, a senadora Ana Amélia Lemos (PP- RS) já se manifestou. Segundo a senadora " O Brasil não precisa de mais impostos. Precisa de transparência, honestidade e eficiência do governo. O contribuinte paga muito e não recebe serviços de qualidade. Propor a volta da CPMF é subestimar o protesto de milhões de brasileiros que foram às ruas no domingo"  

25 Mar 2015
Next

MP diz que vai requerer construção de nova Casa de Custódia em THE

A promotora Leida Diniz, dos Feitos da Fazenda Pública, disse que vai ingressar com uma ação civil pública pedindo a construção de uma nova Casa de Custódia pelo Estado, tendo em vista que a que existe tem somente 330 vagas, mas já conta com 800 homens, alguns constantemente violentados, e segunda ela, “estuprados”. Ou seja, eles sofrem constantes ataques violentos ao pudor.
“EU PREFERIA PEDIR UMA ESCOLA, UMA CRECHE, MAS...”
Leida Diniz diz que fará isso com o “coração partido”. “Eu queria pedir a construção de uma escola, de uma creche, um ambiente cultural, mas nunca de um presídio, que não ressocializa. Mas vou ingressar com uma ação civil pública pedindo mais uma Casa de Custódia, embora o faça com o coração partido”, explicou.

ALTOS: HOMEM se envolve em briga e tem mão decepada VÍTIMA E ACUSADO estavam bebendo quando a briga começou; uma mulher ficou ferida

Um crime chocou a população do município de Altos, distante 42 km de Teresina, na tarde desta terça-feira (25/03). Um homem foi esfaqueado e teve sua mão decepada após uma briga. O crime aconteceu por volta de 15h e a vítima foi identificada como Antônio Ferreira Santiago, que reside no bairro Santa Inês, naquela cidade.
Segundo informações de testemunhas, uma confusão foi iniciada no bairro São Sebastião, próximo à residência da vítima. Antônio e o acusado, identificado como Marcos André da Costa de Sousa, estariam bebendo quando iniciaram uma discussão, não se sabe o real motivo de tamanha ação de violência, mas segundo populares, os dois se ameaçaram, e depois disso houve o crime.
Uma unidade do SAMU foi chamada para socorrer a vítima, a mão dele ficou jogada no chão e ele perdeu muito sangue. O mesmo foi encaminhado para o HUT em Teresina, em estado muito grave. No local do crime havia sangue para todo lado, o que mostra a violência do crime.
O suspeito conseguiu fugir, mas logo depois foi capturado e levado para a delegacia onde deve prestar esclarecimentos sobre o ocorrido. A vítima passa por cirurgia.
11041707_945932928764384_2566751441490982111_n.jpg
Fonte: Com informações do Altos Notícia

VIGIA da Uespi é morto a tiros durante tentativa de assalto AO TENTAR SOCORRER O AMIGO, ele discutiu com o assaltante e acabou sendo morto

Matéria ampliada às 10h44
O vigia Francisco das Chagas Ferreira de Sousa de 52 anos, que trabalhava na Faculdade de Odontologia e Enfermagem (Facoe), núcleo da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) em Parnaíba, foi assassinado a tiros por volta de 21h desta terça-feira (25/03) após ser surpreendidos por dois homens em uma tentativa de assalto ao prédio da faculdade.
Segundo o companheiro da vítima, de 23 anos, os bandidos chegaram no local em um Celta preto. Ele estava sentado em uma cadeira do lado de fora do prédio quando um dos homens desceu do carro, enquanto o outro permaneceu no volante. Ao se aproximar, sacou uma pistola e pediu que o vigilante entregasse a arma.
Ao ouvir do vigia que ele não tinha nenhuma arma, o bandido o arrastou para dentro do prédio, ameaçando matá-lo. Ao ouvir o barulho, Francisco das Chagas saiu de uma sala para ver o que estava acontecendo, e já se deparou com o colega de trabalho rendido pelo criminoso.
Francisco discutiu com o bandido. Neste tempo o outro vigia conseguiu correr para uma sala. Não sabe-se como, ao certo, mas Francisco acabou sendo baleado. Já o acusado conseguiu fugir. Acredita-se que ele também tenha se ferido, já que próximo ao portão onde o carro estava estacionado foram encontradas marcas de sangue.
vig2.jpg
A Polícia Militar foi acionada e seguiu para o local, de onde as buscas pelos acusados foram iniciadas. Ainda na noite de ontem, o Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM) recebeu a informação anônima de uma pessoa que afirmou ter visto um homem ferido no prolongamento da Avenida de São Sebastião. Viaturas estiveram no local, mas nada foi constatado.
vig1.jpg
Uma equipe do IML de Parnaíba, fez a remoção do corpo após muita insistência, já que os servidores do órgão paralisaram por 24 horas.
Na perícia inicial foram constatados dois tiros no tórax do vigia e um na cabeça. O comandante do 2° Batalhão de Polícia Militar do Piauí, o tenente coronel Costa Lima, disse que a primeira linha de investigação do caso é a de latrocínio.
NOTA DE PESAR
É com profundo pesar que a Universidade Estadual do Piauí – UESPI vem a público lamentar o falecimento de Francisco das Chagas Ferreira de Sousa, 52 anos, vigilante da Faculdade de Odontologia e Enfermagem (FACOE), em Parnaíba, sendo vítima de tentativa de assalto na noite da última terça-feira (24/03).
O trágico acontecimento renova na Universidade a preocupação com as questões de segurança que têm atingido a todos.
A Administração Superior, Professores e Funcionários da UESPI, em Parnaíba e em todos os campi, manifestam o seu pesar e se solidarizam com a família do estimado Francisco das Chagas.
Fonte: Com informações do Proparnaíba

GRECO prende escrivão de DP e funcionário de prefeitura MINISTÉRIO PÚBLICO PEDIU prisão dos servidores após denúncias de atos de corrupção

A polícia civil do Piauí confirmou na tarde desta quarta-feira (25/03) a prisão de dois funcionários públicos da cidade de Barras, sendo um deles escrivão da polícia civil e outro, funcionário da prefeitura do município, que fica a 127 quilômetros ao norte de Teresina.
A prisão foi efetuada pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO) em cumprimento a mandado de prisão preventiva. A ordem judicial, segundo a polícia, foi assinada pelo juiz da comarca de Barras, Juscelino Norberto da Silva Neto.
"É uma prisão preventiva e os dois devem ser encaminhados para o 13º e 21º DP na capital. Esse é um processo de investigação do Ministério público de Barras e foram verificadas várias cobranças de propina", disse o delegado Carlos César.
O magistrado atendeu à denúncia formulada pelo Ministério Público, através do promotor Silas Sereno, que acusou os dois servidores pelo crime de corrupção.
O escrivão de polícia Raimundo Marques dos Santos Filho e o funcionário da prefeitura de Barras Silvan da Cruz Silva, que prestava serviço na delegacia do município, foram trazidos para Teresina pelo delegado Carlos Cesar, do Greco.
Delegado Carlos César falou da prisão da duplaDelegado Carlos César falou da prisão da dupla
Em entrevista na sede da especializada, o delegado informou que os acusados cobravam de pessoas que eram presas na cidade, algumas para conseguir liberdade e outras para terem objetos apreendidos liberados, isso, sem consentimento do delegado da cidade.
Raimundo Marques dos Santos Filho, escrivão presoRaimundo Marques dos Santos Filho, escrivão preso
Num dos casos descobertos, das várias denúncias apresentadas ao Ministério Público, os acusados teriam cobrado entre R$ 200 e R$ 300 de pessoas que foram presas por promoverem jogos de azar na cidade. Em outros casos, pessoas presas por tráfico tiveram automóveis apreendidos liberados.
Silvan da Cruz Silva é funcionário da prefeituraSilvan da Cruz Silva é funcionário da prefeitura
Raimundo Marques já possui, segundo o delegado Carlos Cesar, quatro processos administrativos e já sofreu advertência.
Repórter: Jhone Sousa

MP-PI pede o bloqueio dos bens de Henrique Rebelo e Cléia Coutinho Leida Diniz quer saber onde foi parar R$ 1,3 milhão para construção de pavilhões na Casa de Custódia

Os ex-secretários de Justiça Cléia Coutinho e Henrique Rebelo são alvo de uma ação civil pública movida pela 35ª Promotoria de Justiça do Piauí acusados de improbidade administrativa por conta da construção de dois pavilhões na Casa Custódia José Ribamar Leite.
A obra, orçada em R$ 2.182.628,15, e embora iniciada em 2011, nunca foi concluída, sendo que do total foi pago a quantia de R$ 1.346.779,00 à Construtora Pertcon Construções LTDA, que é a Lira Coutinho LTDA. A empresa também figura como acusada na ação, ajuizada em 20 de março deste ano.
BLOQUEIO DE BENS
A promotora dos Feitos da Fazenda Pública, Leida Diniz, pediu à Justiça o bloqueio de bens dos dois ex-secretários e a condenação dos envolvidos.
DOIS ADITIVOSA denúncia relata ainda que para essa obra existiram dois aditivos contratuais. A licitação, o contrato e o início da obra, com a assinatura do primeiro aditivo ocorreram na gestão de Cleia Coutinho, já o segundo aditivo foi na gestão de Henrique Rebelo. Estranhamente eles foram assinados em 11 de janeiro e 17 de janeiro de ano posterior ao início da construção dos pavilhões. “As obras não foram construídas e os recursos foram esgotados causando prejuízo ao erário”, sustenta a promotora.
CONCLUSÃO DO RELATÓRIO PERICIAL
O relatório pericial do Ministério Público afirma que “restaram inacabados os pavilhões” e “que haverá a necessidade de dispêndio de mais recursos financeiros”. Foi detectado ainda que a obra foi iniciada sem projeto executivo e que mesmo assim a construtora aceitou fazer. “O que o Ministério Público quer saber é onde foi parar o recurso público”, questiona a promotora na ação.
Pergunta da promotora lembra o quadro do Fantástico: 'Cadê o dinheiro que estava aqui'?Pergunta da promotora lembra o quadro do Fantástico: 'Cadê o dinheiro que estava aqui'?
INDAGAÇÕES
Na peça, Leida Diniz faz ao menos três perguntas:
1 – Como as gestões dos requeridos, na direção da SEJUS, não perceberam tantas irregularidades e tamanho descaso na construção das obras de ampliações?
2 – Durante os anos de vigência do contrato nº 04/2009, como pode nada terem percebido?
3 – O que explica a não conclusão dos pavilhões da Casa de Custódia José Ribamar Leite?
A promotora relatou que hoje, a capacidade da Casa de Custódia é de 330 presos, porém, abriga 800, e a construção dos pavilhões em tempo hábil, amenizaria a situação. Na sua visão isso implica “no reconhecimento do desrespeito dos ex-secretários de Justiça”.
“Eles tinham por obrigação acompanhar o desenvolvimento da obra em função dos deveres inerentes do cargo que ocupam”, sustenta. Afirma ainda que houve por parte da dupla, “desídia”. E que eles não poderiam alegar desconhecimento porque as obras, com inúmeras paralisações, foram diversas vezes noticiadas pela imprensa.
Diante deste “descaso”, foi então pedida a “indisponibilidade dos bens de cada um dos requeridos, no importe do valor do contrato celebrado, a título de salvaguardar o futuro ressarcimento do erário”.
“Nós estamos examinando todas as hipóteses para ser investigada”, finalizou a promotora.
CONSTRUÇÃO DE PAVILHÕES FICARAM MAIS CAROSO atual secretário de Justiça, Daniel Oliveira, já até escolheu, sob o fundamento da dispensa de licitação, a empresa que construirá os dois remendos, chamados de pavilhões, na Casa de Custódia. A Dota Engenharia LTDA será a construtora responsável.
180grausdaniel....png
O valor da obra também não será o mesmo. Saltou de R$ 2,1 milhões para R$ 2,5 milhões.
E vão começar do zero, promotora Leida Diniz?
Repórter: Rômulo Rocha

Jovem que morava em SP morre ao tentar atravessar um açude no Piauí

Na manhã desta quarta-feira (25/03), o Corpo de Bombeiros encontrou o corpo de Jurandir Lopes de Carvalho, 22 anos, morto na tarde de terça-feira (24), no açude da cidade de Barro Durro, distante 98 km da capital Teresina.
Jurandir morava na cidade de Campinas-SP, estava visitando a família e retornaria para o estado de São Paulo na sexta-feira (27).
Amigos contaram que Jurandir estava pescando e resolveu atravessar o açude nadando, nesse momento ele desapareceu. Foi relatado ainda que ele não havia ingerido bebida.
O corpo está sendo velado no município e aguarda a chegada de outros parentes para o sepultamento.
Fonte: Agricolândia em Foco

Gêmeas do 'BBB 15' falam de sexo: Uma é selvagem e a outra carinhosa A sintonia das irmãs não se reduz só a assuntos sexuais. Elas se consideram melhores amigas

Gêmeas até na hora "H", Amanda e Andressa tiveram sua primeira experiência sexual quase ao mesmo tempo. A diferença entre as duas foi de apenas 15 dias. "Eu tinha 16 anos e faltava uns 15 dias para fazer 17. Foi bom, mas não como hoje em dia, né?", lembra Amanda. "Eu perdi alguns dias depois", diz Andressa.
Estrelas do Paparazzo que vai ao ar nesta quarta-feira, 25, elas revelaram que na hora do sexo, porém, têm preferências diferentes. "Uma é mais selvagem e a outra mais carinhosa", explicam. "Eu prefiro fazer amor com a luz acesa", conta Amanda. "Já eu não tenho preferência, depende do momento. Se estiver acesa não vou levantar para apagar, né?", brinca Andressa.
Amanda namora há quatro anos e Andressa há sete. As loiras juram que os namorado não estão com ciúmes do assédio sobre elas. "Eles nos apoiam", garante Andressa. As irmãs contaram ainda que nunca aconteceu de os namorados confundirem as duas. "Até dá para se passar pela outra por telefone, mas pessoalmente não. Temos personalidades diferentes", aponta Amanda. "E com tanto tempo de namoro, não dá nem para fingir que confundiu, né?", emenda Andressa.
zzo1.png
Elas também contaram o que não pode faltar na hora H: nessa hora, as repostas não foram muito diferentes. "Gosto de uma boa puxada no cabelo", revela Amanda. "Para mim, na hora 'H' não pode faltar uma sintonia, uma musiquinha e uma boa pegada", completa Andressa.
A sintonia das irmãs não se reduz só a assuntos sexuais. Elas se consideram melhores amigas uma da outra e contam que não se desgrudam nem para dormir. "Na nossa casa tem três quartos, mas a gente dorme no mesmo quarto e na mesma cama", diz Andressa. "A gente faz tudo junto, até na hora de comprar lingerie", diverte-se Amanda.
zoo7.png
zzo2.png
zzo3.png
zzo4.png
zzo5.png
zzo6.png
zzo8.png
zzo9.png
zzo10.png
zzo11.png
zzo12.png
zzo13.png
zzo14.png
zzo15.png
zzo16.png
zzo17.png
zzo18.png
zzo19.png
zzo20.png
zzo22.png
zzo24.png
zzo25.png
zzo27.png
Fonte: Com informações do Ego
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

telemensagem e cestas GISLENE em parnaiba-pi

telemensagem e cestas GISLENE em parnaiba-pi
telemensagens local a partir 10,00.reais e interurbanas15,00 reais contatos:[86]3323-2793ou9511-1230

postagens recentes

24 : horas no ar